Cadastre seu e-mail:

sábado, 13 de outubro de 2012

Potes Rachados

Por: Joyce Meyer

"Possuímos este tesouro precioso [a Luz divina do Evangelho] em [frágeis, humanos] vasos de barro, para mostrar que este poder que a tudo excede provém de Deus, e não de nós." [2 Coríntios 4:7]

Deus trabalha através de vasos de barro, ou o que muitas vezes eu chamo de "potes rachados". Isto significa que somos falhos, por isso quando as pessoas olham para nós e veem coisas incríveis acontecendo, elas sabem que deve ser Deus atuando, pois certamente não poderia ser a gente. Eu acredito que alguém que realmente me conhece não tem dificuldades em perceber que o trabalho que estou fazendo na terra hoje, certamente deve ser Deus atuando em e através de mim. Eles dão a Ele a glória, e não a mim, porque eles veem as minhas imperfeições e conhecem as minhas limitações. Deus escolhe as coisas fracas e tolas de propósito para que nenhum mortal venha a ter pretensão de glória em Sua presença (I Coríntios 1:27-29).

Imagine um pote com uma lâmpada dentro e uma tampa sobre ele. Mesmo que possa ser preenchido com luz, ninguém pode ver a luz dentro dele. No entanto, se o pote está rachado, a luz vai brilhar através das rachaduras. Da mesma forma, Deus trabalha através de nossas imperfeições.

Você pode amar um pote rachado? Deus pode! É divino amar-se de uma forma equilibrada e saudável. Não é de Deus rejeitar e desprezar a si mesmo.

Oração: "Senhor, Você e eu somos bem conscientes das minhas imperfeições. Peço-Lhe que brilhe a luz através da minha vida, e saiba que você ganha cada grama de glória por isso. Amém."

Tradução: Thaísa Sterque / From the book The Confident Woman Devotional: 365 Daily Devotions by Joyce Meyer. Copyright © 2011 by Joyce Meyer. Published by FaithWords. All rights reserved.

Nenhum comentário:

Postar um comentário