Cadastre seu e-mail:

sábado, 23 de junho de 2012

"Eu Sou Jesus"

Por: Pr. Olavo Feijó

"E ele disse: Quem és, Senhor? E disse o Senhor: Eu sou Jesus, a quem tu persegues. Duro é para ti recalcitrar contra os aguilhões." [Atos dos Apóstolos 9:5]

No caminho de Damasco, um clarão cega os olhos de Saulo de Tarso. E uma voz poderosa identifica o seu nome: “Saulo, Saulo, por que me persegues?” - Atônito, Saulo pergunta: “Quem és Senhor?” – Disse o Senhor: “Eu sou Jesus, a quem tu persegues” (Atos 9:5).

Quando passam por experiências impactantes, as pessoas naturalmente procuram alguma explicação: “foi muito azar”, “foi o destino”, “foi a pressão social”, “foi minha infância”. A necessidade de algo que justifique é tão grande que, mesmo sem muita lógica, estórias sem pé nem cabeça recebem a categoria de explicação oficial.

A Bíblia é muito clara. Quando perguntada, ela responde e assume. Para a Bíblia, “Jesus é tudo, em todos”. Por isso, não é de estranhar a resposta de Mestre à pergunta de Saulo. Ao dizer “Eu sou Jesus”, o Senhor não perde tempo com discussões teológicas. Saulo sabia muito bem que Jesus tinha sido crucificado. Mesmo assim, a resposta foi simples: ”Eu sou Jesus”. Por isso, mesmo hoje em dia, se perguntarmos ao Senhor a razão de nossas experiências impactantes, a resposta será a mesma. Se somos cristãos, a explicação das coisas profundas em nossa vida se encontra em Cristo. “Eu sou Jesus”.

Fonte: devocionais.amoremcristo.com

quinta-feira, 14 de junho de 2012

Um Novo Coração

Por: Joyce Meyer

"E dar-vos-ei um coração novo, e porei dentro de vós um espírito novo; e tirarei da vossa carne o coração de pedra. E porei dentro de vós o meu Espírito, e farei que andeis nos meus estatutos, e guardeis os meus juízos, e os observeis." [Ezequiel 36: 26-27]

Os versículos acima contém uma promessa de Deus feita a milhares de anos atrás, a promessa de que um dia chegaria em que Ele daria às pessoas um novo coração e colocaria o Seu Espírito dentro deles. Quando Deus falou estas palavras, as pessoas viviam sob a Antiga Aliança, o tempo antes do nascimento, morte e ressurreição de Jesus. Segundo essa Antiga Aliança, o Espírito Santo estava com as pessoas e vinha sobre elas para fins especiais, mas Ele não vivia em seus corações.

Você e eu estamos vivendo na Nova Aliança, no tempo em que Deus falava através do profeta Ezequiel, quando prometeu enviar o Seu Espírito para viver dentro de nós. Ninguém podia nascer de novo e tornar-se uma morada para o Espírito de Deus até que Jesus morreu e ressuscitou dentre os mortos. Agora que Ele chegou, podemos recebê-Lo como Senhor e Salvador e nós podemos receber o Espírito Santo em nossos corações. Quando Ele habita em nós, pode falar conosco, nos permite ouvir a Sua voz, e nos dá poder para obedecer o que Ele nos diz.

Encorajo você a meditar sobre a bênção maravilhosa de ser escolhido como uma casa para Deus. Isso significa que você e Deus estão muito próximos e você pode esperar desfrutar da comunhão maravilhosa com Ele!

A palavra de Deus para você hoje: Você está muito perto de Deus.

Fonte: "Hearing from God Each Morning: 365 Daily Devotions" by Joyce Meyer. Copyright © 2010 by Joyce Meyer. Published by FaithWords. All rights reserved.

domingo, 3 de junho de 2012

Tentação

“E não nos deixes cair em tentação, mas livra-nos do mal, porque teu é o Reino, o poder e a glória para sempre. Amém.” [Mateus 6.13]

O que significa ‘cair em tentação’? Cair em tentação significa sermos levados pelo maligno a agir independente de Deus, e a crermos que o que somos e o que recebemos em Deus não é suficiente. É crer e agir com a convicção de que seremos e teremos algo somente se resolvermos a situação dessa falta com a nossa própria força.

Adão e Eva foram as primeiras pessoas a caírem em tentação. O maligno os levou a crer que poderiam ser como Deus simplesmente se decidissem ser. Segundo Satanás, o resultado de agir por conta própria, comendo o fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal, os levaria a serem como Deus e a terem o Seu poder. (Veja Gênesis 3).

Cair na tentação é o oposto de viver pela fé. Quando vivemos pela fé vivemos o que somos e o que temos em Deus. Viver pela fé é viver da abundância do que Deus é e do que Ele nos oferece continuamente. Quando caímos em tentação somos enganados e começamos a crer e a agir com a idéia de que, para sermos ou termos algo, nosso esforço é a chave do sucesso. O maligno nos leva a crer que a graça Divina não nos parece suficiente.

A religião é, muitas vezes, a forma mais destrutiva da tentação. Ela muitas vezes nos ensina que podemos ser ou ter algo se produzirmos a nossa identidade e abundância pelas obras religiosas. A religião sempre enfatiza o que não somos e o que não temos. A fé sempre nos diz que tudo o que somos e temos está em Deus.

Jesus foi tentado mais nunca caiu em tentação. Como o ‘último Adão’, ele precisava vencer a tentação no poder do seu Pai (Veja Mateus 4). Diferentemente do primeiro Adão, Jesus nunca fez nada para ser ou ter mais do que aquilo que recebeu de seu Pai. Jesus recebeu a sua identidade e o seu agir do Pai. Assim, ele amou sem parar. Ele nunca pecou porque nunca caiu em tentação. Jesus permaneceu 24 horas por dia e 7 dias por semana no amor de seu Pai. Foi este amor contínuo que não deixou Jesus cair na tentação. Seremos livres da tentação se permanecermos no amor de Jesus, assim como Ele permaneceu no amor de seu Pai.

João 15.9-10: “Como o Pai me amou, assim eu os amei; permaneçam no meu amor. Se vocês obedecerem aos meus mandamentos, permanecerão no meu amor, assim como tenho obedecido aos mandamentos de meu Pai e em seu amor permaneço.”

Nossa libertação da tentação vem quando estamos permanecendo em Cristo 24 x 7. Assim, recebemos a nossa identidade e a nossa riqueza para ser e fazer o que precisamos.

O que a Videira é, eu sou. O que a Videira tem, eu receberei. Este relacionamento sem barreiras com Jesus é o que me permite não cair na tentação e, assim, amar quem eu preciso amar. Jesus em nós é a resposta da oração “E não nos deixes cair em tentação, mas livra-nos do mal.” O que Jesus é, você é. O que Jesus tem, chega a você neste momento e na hora certa. Tenha fé nestes fatos!

Permaneça no amor de Deus em Cristo, 24 x 7 e momento a momento. Deus em Cristo é perfeitamente suficiente!

Por: Carlos McCord (Ministério Permanecer)